Para ler NO Deserto

“Agora, pois, dá-me este monte de que o Senhor falou naquele dia; porque tu ouviste, naquele dia, que estavam ali os anaquins, bem como cidades grandes e fortificadas. Porventura o Senhor será comigo para os expulsar, como ele disse.”(Josué 14:12)

VISITANTE NUMERO


Visualizar estatísticas do Blog

PÁGINAS DO BLOG

domingo, 3 de outubro de 2010

Pare e pense

             Hoje é dia de eleição. Neste três de outubro, 135.804.433 brasileiros vão às urnas na maior eleição da história do país. Os eleitores vão escolher um presidente, 27 governadores, 54 senadores, 513 deputados federais, 1.059 deputados estaduais e 24 deputados distritais. Para meditarmos, reproduzo o texto abaixo, do blog do pastor Hermes C. Fernandes, sempre muito relevante:


ORAÇÃO PELO DESTINO DO BRASIL


Senhor Todo-Poderoso,

Humildemente nos dirigimos a Ti para rogar em favor de nossa nação. 

Te agradecemos por vivermos num regime democrático, onde temos a oportunidade de eleger nossos governantes e representantes. Todavia, somos uma democracia jovem. Como um pássaro criado na gaiola, que uma vez solto, vôa desengonçado, deixamos a tutela de uma ditadura militar e ainda estamos apredendo a votar. Em pouco mais de vinte anos de democracia, já apanhamos tanto, Senhor. Deixamo-nos enganar pela aparência de quem se apresentava como “caçador de marajás”. Depois fomos às ruas pedir sua cassação. Fomos governados por um intelectual respeitado no mundo inteiro, e em seguida, por um operário que encarnou os sonhos das massas. Ambos tiveram dois mandatos. Ambos acertaram, mas também cometeram seus equívocos. Alianças duvidosas foram feitas. Erros acobertados. Mas apesar disso, sobrevivemos. Vencemos a inflação. Conquistamos o respeito internacional. Não há como negar. Temos razões para agradecer.

A despeito de todo o progresso, ainda convivemos com algumas mazelas que carcomem nosso tecido social como um câncer. Já não podemos suportar tanta corrupção. Sentimo-nos envergonhados de fazer desta praga parte de nossa cultura. Até os românticos e idealistas se deixam vencer por seu assédio. Livra-nos, Senhor, de nossa maior vergonha. Não bastasse isso, ainde temos que conviver com a violência do dia-a-dia. Nossos jovens estão morrendo. Já não se sabe quem é mocinho, quem é vilão. Valores estão sendo negociados. Princípios promiscuidos. A sociedade se vê entorpecida, buscando o alívio de seus temores. Nossas meninas se tornaram em atração turística para gringos tarados que chegam em busca de prazer. Nossas festas são orgias a céu aberto. Nem nossas crianças escapam da maldade que, como dilúvio, inundam e soterram cada camada da sociedade. 

Não podemos tapar o sol com a peneira. Se temos razões para agradecer, também temos para nos envergonhar. Avançamos, mas também regredimos. 

Agora temos a oportunidade de eleger quem conduzirá nosso País e nossos Estados pelos próximos quatro anos. Muitos dos que pleiteiam esses cargos estão comprometidos com oligarquias, multinacionais poderosas, denominações religiosas famigeradas e interesses inconfessáveis. Alguns têm até boa intenção, mas não foram forjados para suportar as pressões que sofrerão, correndo o risco de ceder e trair seus ideais. 

O quadro não é dos melhores, Senhor. Porém, Tu conheces o coração de todos eles. Tu sabes o que é melhor pra nossa gente sofrida. Embora nossos governantes sejam eleitos pelo voto, reconhecemos que é a Tua soberania que determina quem se elegerá. Tu estabeleces reis, e Tu mesmo os depõe. Decretas os fins, e estabeleces os meios. Por isso Te suplicamos, Senhor. Tem misericórdia do Brasil. Não permita que nosso povo se engane com a aparência ou com discursos vazios. Desvenda nossos olhos, Senhor!

Derruba os poderosos e exalta os humildes! Quebranta os fortes e dê vigor aos frágeis.

Perdoe nossa idolatria, nossa índole corrupta, nosso “jeitinho brasileiro”, nossa avareza, nossos preconceitos. Perdoe se fizemos de nossos apriscos verdadeiros currais eleitorais. Se negociamos os votos de nossas ovelhas. Se espalhamos mentiras sobre algum candidato para beneficiar a outro. Se atemorizamos os crentes para forçá-los a eleger candidatos compromeitos com nossa denominação. Perdoe nossa hipocrisia, nossa mesquinhez. 

E seja quem for que se eleger, exerça com sabedoria e justiça o seu mandato. E que aqueles que usaram seu nome, profanando-o por interesses próprios, sejam envergonhados. E sobretudo, que os verdadeiros cristãos sigam dando testemunho de Teu amor e Reino, acolhendo e cuidando de quem mais necessita, denunciando o erro de quem oprime e explora, e anunciando o Evangelho da Salvação até que Tu voltes em Glória. 

Oramos em nome de Teu Filho Amado Jesus.

Amém.



Se você desejar acrescentar algo a esta oração, deixe o seu comentário. Se puder e sentir no coração, envie-a para todos os seus contatos. O Brasil precisa de nossas orações. O futuro lhe agradece!


Um comentário:

  1. Linda oração e verdadeira. Realmente progredimos mas também regredimos muito, principalmente na ética, na moral ...e a promiscuidade aumentou muito. Que o nosso Eterno Deus tenha misericórdia de nós e que estejamos juntos como igreja em uma só voz. Deus abençõe !

    ResponderExcluir

A sua participação é importante. Obrigado!

Inscreva seu e-mail e fique por dentro das atualizações!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...