Para ler NO Deserto

“Agora, pois, dá-me este monte de que o Senhor falou naquele dia; porque tu ouviste, naquele dia, que estavam ali os anaquins, bem como cidades grandes e fortificadas. Porventura o Senhor será comigo para os expulsar, como ele disse.”(Josué 14:12)

VISITANTE NUMERO


Visualizar estatísticas do Blog

PÁGINAS DO BLOG

sábado, 10 de abril de 2010

Pare e pense


“Tu a quem tomei desde os fins da terra, e te chamei dentre os seus mais excelentes, e te disse: Tu és o meu servo, a ti escolhi e nunca te rejeitei. Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a destra da minha justiça. Eis que, envergonhados e confundidos serão todos os que se indignaram contra ti; tornar-se-ão em nada, e os que contenderem contigo, perecerão” (Isaías 41:9 a 11)

No livro CALEBE, eu faço uma análise da situação desse nobre personagem, que, a despeito de perseverar em confiar em Deus, se viu obrigado a perambular pelo deserto por 40 anos, mantendo sua integridade, fé e perseverança. Hoje quero me dirigir àqueles que, como eu, atravessam neste momento um deserto. 
Deserto, no jargão "crentês" significa provação. Assim como num deserto físico, neste deserto que me refiro há carências, abandono, perigos.
Atravesse esse deserto de cabeça erguida. Saiba perseverar em confiar em Deus, certo de que nossa jornada não se resume aos períodos de provação e que em Cristo somos verdadeiramente mais que vencedores! Não permita que os emissários de satanás venham te confundir, ou mesmo acusar. Eu já presenciei até pastor de igreja que, recusando-se a ir visitar ovelha por ele ferida, ainda alegou que não iria por que a tal ovelha não era dizimista. Saiba identificar o verdadeiro pastor.
Deus te diz hoje: "Tu a quem tomei desde os fins da terra, e te chamei dentre os seus mais excelentes, e te disse: Tu és o meu servo, a ti escolhi e nunca te rejeitei." Ele não te rejeita. Mesmo se você perdeu seu "status", mesmo que os homens, esses que preferem carros "zero Km", apartamentos em porcelanato, mesmo que esses te abandonem, DEUS não te abandona, e estará contigo durante toda a caminhada, declarando a você em todo o tempo: "Não temas, porque eu sou contigo; não te assombres, porque eu sou teu Deus; eu te fortaleço, e te ajudo, e te sustento com a destra da minha justiça."
Às vezes, neste deserto você ainda enfrenta calúnias, línguas ferinas daqueles que, aproveitando-se do  cão morto, fazem questão de também "dar um chute", do alto de suas fétidas latrinas, destilam seu veneno, como instrumentos do diabo, buscando envergonhar o servo do Deus altíssimo. Deus manda te falar hoje que: "Eis que, envergonhados e confundidos serão todos os que se indignaram contra ti; tornar-se-ão em nada, e os que contenderem contigo, perecerão”.
                                                          PENSE NISTO



sexta-feira, 9 de abril de 2010

Pare e pense


“Felizes os que têm coração puro,
porque verão a Deus”.
Mateus 5.8 Viva

BOA VISÃO
Sermão do Monte.

                Com poucas exceções, basta alguém estender os braços para uma criança para que ela logo se lance no colo da pessoa. É certo que algumas são mais introspectivas desde a infância, tímidas, mas creio que a inocência permite que os “bons olhos” da criança sempre visualize uma boa pessoa. Motivo pelo qual ela tem total confiança e sempre caminha rumo aos braços estendidos diante dela! Bons olhos é um reflexo de um coração puro.

“Mais que felizes” são aqueles de coração puro. O apóstolo Paulo escrevendo a Timóteo disse que “o verdadeiro amor procede de um coração puro, de uma boa consciência e de uma fé não fingida” (I Timóteo 1.5). O coração aqui é tido como o centro da personalidade, incluindo a mente, a vontade e as emoções. O salmista diz: “Enchestes o meu coração de alegria, alegria maior do que a daqueles que têm fartura de trigo e de vinho” (Salmos 4.7).

Pelo fato de Deus ser um Espírito, sua essência divina é invisível. Por outro lado, os “crentes” verão a Deus através dos olhos da fé. É indescritível a condição de agir com um coração limpo e ver a Deus ou a Sua ação através de nós. O princípio é que Deus se revela à medida de nossa entrega a Jesus Cristo!

Conclusão: Sabe porém, que a pessoa que tem um coração maldoso não dá lugar ao Espírito Santo e, portanto, não percebe presença divina. Jesus Cristo morreu por todos, mas somente os de “coração puro” adimitem esse Sacrifício e compreendem a Verdade. Ver a Deus é uma condição além do que se possa comentar e poucos são os que perseveram em ter bons olhos neste mundo mal. Parece até ilógico, mas lembre-se: “Deus da vista ao cego”! Essa capacidade vem dEle, mas quem tem que abrir a porta é você! Eu desejo ver a Deus a cada dia, a cada momento, e você? Busque o Senhor de todo o seu coração e viva segundo a Sua Palavra.

quinta-feira, 8 de abril de 2010

Pare e pense

“Pois eu sei que o meu defensor vive; no fim, ele virá me defender aqui na terra. Mesmo que a minha pele seja toda comida pela doença, ainda neste corpo eu verei a Deus. Eu o verei com os meus olhos; os meus olhos o verão, e ele não será um estranho para mim. E desejo tanto que isso aconteça!” (Jó 19:25 a 27)
                A parte final da primeira grande resposta de Jó traz uma surpreendente declaração de fé. Jó sabe que Seu Redentor vive, embora ele não veja mais nenhuma perspectiva para si mesmo. Mesmo que morra, sua esperança o leva a crer que verá o Salvador com seus próprios olhos.
                Se Jó nada mais dissesse, estas palavras que disse, não em sua defesa, mas em defesa do seu Senhor, são a música que serve de acalando para sua alma. Eis como devemos viver: afirmando o poder gracioso de Deus para conosco mesmo que não seja visível a Sua manifestação. Quanto menos vemos a Sua Glória, mais sofremos. Quanto mais vemos a Sua Glória, mais nos capacitamos para ver e superar os nossos problemas.
 Você crê nisto?

quarta-feira, 7 de abril de 2010

Pare e pense

“São estas as caminhadas dos israelitas que saíram do Egito, grupo por grupo, debaixo das ordens de Moisés e Arão. Moisés ia anotando os nomes dos lugares de onde partiam, de acordo com as ordens de Deus, o SENHOR. E são estas as caminhadas conforme os lugares de partida:” (Números 33:1 a 2)
                No texto da leitura de hoje, lemos que Moisés ...ia anotando os nomes dos lugares onde partiam, de acordo com as ordens de Deus..., passando o texto à narrativa da jornada do povo de Deus desde o Egito até Moabe. Gostaria de chamar sua atenção para a necessidade de manter em nossa memória nossas saídas, caminhada por caminhada (conforme versão Revista e Atualizada), pois nossa natureza humana tem uma péssima tendência de se esquecer das bênçãos, sendo porém muito eficiente para recordar provações. Aprenda a registrar sua caminhada com Deus, desenvolva espírito de gratidão pelas vitórias recebidas no passado. Isso vai te ajudar a manter-se preparado para enfrentar desertos, te deixando capacitado a obter novas vitórias, em Deus.

“Lembrai-vos disto, e considerai; trazei-o à memória, ó prevaricadores. Lembrai-vos das coisas passadas desde a antiguidade; que eu sou Deus, e não há outro Deus, não há outro semelhante a mim.” Isaías 46:8 e 9

terça-feira, 6 de abril de 2010

Pare e pense

“Ele diz: Parem de lutar e fiquem sabendo que eu sou Deus. Eu sou o Rei das nações, o Rei do mundo inteiro. O SENHOR Todo-Poderoso está do nosso lado; o Deus de Jacó é o nosso refúgio.” (Salmos 46:10 a11)

                O Salmo 46 começa afirmando que “Deus é o nosso refúgio e fortaleza, socorro bem presente nas tribulações”. O salmista prossegue afirmando que mesmo que a terra trema, ou que os montes se lancem ao mar, continuaríamos a confiar. Creio que a conclusão do Salmo, com essa declaração de Deus é exatamente para nós hoje. Na versão Revista e Corrigida, o versículo 10 está assim: ”Aquietais-vos e sabei que eu sou Deus;” Aquietai-vos! Parem de lutar! Voce sabia que o salva-vidas, ao socorrer uma pessoa em processo de afogamento, não se aproxima quando a pessoa está histéricamente se debatendo? Ele manda que a pessoa se acalme, ou até mesmo a “nocauteia” para que possa pegá-la e levar à terra firme. Quem nunca ouviu história de alguém que foi salvar outro que se afogava e morreram os dois? Aquietai-vos, e deixe seu salva-vidas cuidar de tudo. Ele é o Senhor Todo-Poderoso, criador dos céus e da terra, Senhor de todo o universo, único e verdadeiro DEUS. Não importa o tamanho que parece ter o seu problema, Deus te diz hoje: Aquietai. Tem uma história que fala de um navio, no meio de uma terrível tempestade. Todos estavam desesperados, e no meio do corre e corre, com o navio quase indo à pique, havia uma menina, distraidamente brincando com sua boneca. Alguém lhe pergunta: "Você não está com medo? O navio está em perigo!" Ela responde, sem parar de brincar: "Eu não, meu pai é o comandante deste navio!..." 
                                   Quem está no comando do seu Navio?  

segunda-feira, 5 de abril de 2010

Pare e pense

“Portanto, não pensem que foi com a sua própria força e com o seu trabalho que vocês conseguiram todas essas riquezas. Lembrem do SENHOR, nosso Deus, pois é ele quem lhes dá força para poderem conseguir riquezas. Vocês estão vendo que assim ele está cumprindo a aliança feita por meio de juramento com os nossos antepassados. Mas, se vocês esquecerem o SENHOR, e adorarem e servirem outros deuses, eu aviso hoje que vocês certamente morrerão.” (Deuteronômio 8:17 a 19)
                Após reafirmar a aliança com seu povo (capítulo 7), Deus afirma ainda que mantendo-se fiel a Ele, o povo seria bendito, não haveriam homens ou mulheres estéreis, Deus afastaria deles todas as enfermidades (verso 15), alerta sobre não levar coisa abominável para dentro de casa (verso 26). Passa então a lembrar ao povo que “...não só de pão viverá o homem, mas de tudo o que procede da boca do Senhor...”(Deuteronômio 8:3), concluindo com LEMBREM. Não pensem que conquistaram alguma coisa pela força do seu braço. Receba esta palavra para sua vida: “A soberba precede a ruína” (Provérbios 16:18). LEMBRE-SE.

domingo, 4 de abril de 2010

Pare e pense

“Todas as pessoas daquela geração também morreram e os seus filhos esqueceram o SENHOR e as coisas que ele havia feito pelo povo de Israel. Então o povo de Israel pecou contra Deus, o SENHOR, adorando os deuses dos cananeus.” (Juízes 2:10 a 11)
                O Livro de Juízes se caracteriza pelo círculo vicioso em que Israel abandonava o Senhor e caía em idolatria, era escravizado, clamava ao Senhor, Deus levantava um Juíz, Israel era libertado, servia ao Senhor, voltava a abandonar, e assim sucessivamente.

                O curioso é notarmos que cada ciclo começava com uma geração  que “não conhecia o Senhor, tampouco as obras que fizera em Israel...” Como estamos nos relacionando com Deus nos dias de hoje? Você tem tido a preocupação de passar o conhecimento de Deus à geração mais nova? Lembre-se que Deus não tem netos. Ele tem FILHOS. A experiência do conhecimento de Deus é individual,personalíssima e única. Compare com Deuteronômio 11:18 a 21.

Inscreva seu e-mail e fique por dentro das atualizações!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...