Para ler NO Deserto

“Agora, pois, dá-me este monte de que o Senhor falou naquele dia; porque tu ouviste, naquele dia, que estavam ali os anaquins, bem como cidades grandes e fortificadas. Porventura o Senhor será comigo para os expulsar, como ele disse.”(Josué 14:12)

VISITANTE NUMERO


Visualizar estatísticas do Blog

PÁGINAS DO BLOG

quinta-feira, 9 de dezembro de 2010

Pare e pense

QUE INJUSTIÇA!...
“Mas não tenham medo daqueles que ameaçam vocês.
Porque está chegando a hora em que a verdade será revelada:
os golpes secretos deles se tornarão informação pública”
Mateus 10.26 Viva


Você já foi injustiçado alguma vez? E quantas vezes você foi injusto com alguém? Você já teve a impressão de que as pessoas mais erradas são as que mais se dão bem? No trabalho aquele sujeito que não tem o menor comprometimento com a empresa, parece ser o mais valorizado por ela. Nos relacionamentos parece que os mais inconseqüentes se saem melhor. O que você acha?
Outro dia um amigo disse que foi parado pela policia enquanto ensinava a esposa a dirigir! Era a primeira vez que saiu sem documentos, pois só estava dando a volta no quarteirão com a esposa! “Tanta gente que anda por ai todo irregular e ninguém nunca pega, mas eu, no dia em saio, me dou mal”! Não parece “injustiça”? Você já passou por algo semelhante?
 Saiba que a verdadeira justiça só ocorrerá quando praticado em submissão a Deus e por amor a Ele, ao invés de ser feito em busca da glória pessoal. Observe e veja qual é “termômetro” do seu senso de justiça!
 Jesus orientou os discípulos sobre as dificuldades que eles enfrentariam na realização de seus ministérios. Depois de antecipar algumas injustiças que os discípulos sofreriam, Ele ressalta que no tempo certo a justiça seria feita. Os olhos do Senhor estão sobre todos. Na parábola do joio e do trigo, Jesus sugere que haverá o momento em que a “erva daninha” vai se destacar por causa da sua má qualidade. Percebe? As corrupções se tornam públicas!
 PENSE NISTO
 Seja justo! Não de forma puramente legalista, mas proceda constantemente com amor. Lembre-se que o dia de prestar contas chegará e não tardará. “Então vereis outra vez a diferença entre o justo e o ímpio, entre o que serve a Deus e o que não O serve” (Malaquias 3.18). Tudo será revelado, não se engane. Os ímpios serão manifestos por aquilo que eles são, mas lembre-se que eles vivem carentes de Deus. Concluindo, não fique frustrado pela impiedade ao seu redor, mas não se esqueça nunca de praticar o “amor”. O Senhor quer alcançar a todos, não se esqueça disso.
Fonte:  UMBET

Nenhum comentário:

Postar um comentário

A sua participação é importante. Obrigado!

Inscreva seu e-mail e fique por dentro das atualizações!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...