Para ler NO Deserto

“Agora, pois, dá-me este monte de que o Senhor falou naquele dia; porque tu ouviste, naquele dia, que estavam ali os anaquins, bem como cidades grandes e fortificadas. Porventura o Senhor será comigo para os expulsar, como ele disse.”(Josué 14:12)

VISITANTE NUMERO


Visualizar estatísticas do Blog

PÁGINAS DO BLOG

quinta-feira, 27 de janeiro de 2011

FALSO PROFETA

FALSO PROFETA

“Ai daqueles que nas suas camas intentam a iniqüidade, e maquinam o mal; à luz da alva o praticam, porque está no poder da sua mão! E cobiçam campos, e cobiçam casas, e arrebatam-nas; assim fazem violência a um homem e à sua casa, a uma pessoa e à sua herança.Portanto, assim diz o SENHOR: Eis que projeto um mal contra esta família, do qual não tirareis os vossos pescoços, e não andareis tão altivos, porque o tempo será mau. Naquele dia se levantará sobre vós um provérbio, e se lamentará pranto lastimoso, dizendo: Nós estamos inteiramente desolados; a porção do meu povo ele a troca; como me despoja! Tira os nossos campos e os reparte! Portanto, não terás tu na congregação do SENHOR quem lance o cordel pela sorte. Não profetizeis aos que profetizam; eles não profetizarão para eles, pois não se apartará a sua vergonha. O vós que sois chamados casa de Jacó, porventura encurtou-se o Espírito do SENHOR? São estas as suas obras? E não é assim que fazem bem as minhas palavras ao que anda retamente? Mas ontem, se levantou o meu povo como inimigo; de sobre a vestidura tirastes a capa daqueles que passavam seguros, como homens que voltavam da guerra. Lançastes fora as mulheres do meu povo, da casa das suas delícias; das suas crianças tirastes para sempre a minha glória. Levantai-vos, e ide-vos, porque este não é lugar de descanso; por causa da imundícia que traz destruição, sim, destruição enorme.”(Miquéias 2:1 a 11)

                Por Alexander Stahlhoefer
A época em que vivemos, conhecida como pós-moderna, é marcada pela grande oferta de informações. Recebemos em nossos lares diariamente uma avalanche de dados e notícias, sejam eles úteis ou não. Também no que diz respeito à Bíblia somos bombardeados por todo tipo de opiniões, explicações e interpretações.

                No texto de hoje, Miquéias constata a corrupção dos poderosos no povo de Deus e adverte quanto ao discurso otimista, mas perigosamente falso, de seus profetas. Estes consideravam Miquéias um pregador mentiroso, ou pelo menos exagerado, e afirmavam que Deus não castigaria o povo de Israel por ter abandonado a fé no Senhor e estar vivendo de forma corrupta. Porém, o profeta de Deus contra-argumenta apontando para os pecados dos líderes do povo: praticavam roubos, confiscavam as casas de mulheres indefesas e deixavam suas famílias na miséria.

                Aqueles falsos profetas tinham bons argumentos: afirmavam que Deus manteria a sua promessa e nada de mal aconteceria ao povo (Míquéias 2:6 e 3:11), mas eram corruptos, pois não viviam de acordo com os preceitos da Palavra de Deus que a cada dia diziam anunciar. Jesus alertou que deveríamos olhar para as obras – resultado de uma vida exemplar – de quem está dizendo ser pregador da parte de Deus: “Cuidado com os falsos profetas. Eles vêm a vocês vestidos de pele de ovelhas, mas por dentro são lobos devoradores. Vocês os reconhecerão pelos seus frutos” (Mateus 7:15 e 16a.). Se a vida do pregador estiver de acordo com a Bíblia, sua pregação merece crédito; de outro modo, o que ele diz é no mínimo suspeito. Antes de bons argumentos devemos dar ouvido a uma vida em conformidade com os padrões da palavra de Deus.


Fonte: Livro Pão Diário, RTM

Um comentário:

  1. Meu amigo e irmão veja a primeira como ficou. Queria que meu irmão em tudo fala-se comigo abertamente, se não gostar de alguma coisa faça o favor de dizer.
    Que Jesus Cristo o guarde e ilumine a cada dia.

    ResponderExcluir

A sua participação é importante. Obrigado!

Inscreva seu e-mail e fique por dentro das atualizações!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...